11 de fev de 2012

CANTINHO DA POESIA

Olá, eu estava com saudades daqui...é que o tempo está encolhendo para mim, eu acho, não dá pra fazer nada gente!!!! Mas hoje encontrei um tempinho para divulgar uma poesia que fiz para um anjo que partilhou um pouco de sua breve vida conosco...você foi como um filho pra mim, sinto saudades Caio!

ACORDA BEBÊ!
Ainda me lembro de você deitado sob os lençóis...
Confundia-te como alguém do coração...
Na verdade você também já era parte de mim...

Brincávamos, conversávamos e fazíamos planos...
Planos que nunca se concretizaram
Mas que sobreviverão em outro plano...
Acorda bebê...
Assim será o dia em que nos reencontraremos
Sob o sol de um novo mundo onde não haverá 
Mais adeus...e todos os bebês que dormem, acordarão
para brincar, para sorrir e correr
Sem se cansar...
Acorda bebê...
O sol já saiu e já é hora de voltar para casa!
Aguardo ansiosa e com saudade os dias vindouros
Como uma mãe que aguarda pelo dia do parto...
E enfim poderei novamente fitar seu olhar, conhecer seu sorriso, afagar sua face e seus cabelos...
Acorda bebê!

Maria Bernadete Garcia Ferreira de Almeida
Iepê, 14/07/2009

Minha lista de blogs

Ocorreu um erro neste gadget